Home Sexshop Ousadias

Estado do Tempo C

Pouco Nublado

02 Mar - 23:00

Tempo

Mapa

Jornal

Farmácias

Empresas

Onde Comer

Noite

Classificados

Contactos

Pesquisar

Porto XXI
Takitudo

Menu

Anedotas

Entretenimento Humor

Anedotas Diversas (671)

 

Anedota nº 1570

O homem estava assistindo ao jornal nacional quando, de repente, uma notícia o interessou. Falava de um homem que matou a sogra e a enterrou no chão da sala e só agora, 25 anos depois, é que descobriram.
O gajo ficou a pensar muito naquilo.
Eu também poderia matar a megera da minha sogra e enterrála na sala. Até descobrirem, já estarei morto, pois tenho 50 anos...E, acho que vou fazer isso sim, raios!
E armou a armadilha. Chamou a sogra para um jantar.
Na primeira oportunidade, BAM! Lenhada na cabeça da velha, que logo foi enterrada na sala.
Meia hora depois, toca a campainha do homem. Era a polícia, que avisou:
O Sr está preso por assassinar a sua sogra!
Mas, mas, mas...
Nada de mas, já para o carro!
Na esquadra, o gajo, desconsolado, esbracejava:
Eu vi na TV, um homem fez a mesma coisa e demorou 25 anos a ser descoberto! Como é que vocês me descobriram tão rapidamente???
O homem não morava no segundo andar...

2 votos

 

Anedota nº 1569

Quando criou o homem, Deus chamou-o e disse:
Tenho uma boa e uma má notícia para lhe dar.
E o Homem respondeu:
Senhor, dai-me primeiro a boa notícia!
E Deus disse:
Quando eu te criei, fiz-te com dois órgãos muito importantes : Uma cabeça e um pénis.
O Homem então perguntou:
Mas então, Senhor, qual é a má notícia ?
Deus respondeu:
O sangue é pouco, por isso só funcionará um de cada vez.

2 votos

 

Anedota nº 1568

Era uma vez um casal de recém casados, com apenas 2 semanas de casamento, o marido que apesar de feliz, já estava com uma vontade reprimida de sair com a malta para fazer a festa. Assim ele diz para a sua queridinha:
Mor já volto...
Onde vais meu docinho...? (com expressão de recém casados)
Ao barzinho, tomar uma geladinha.
A mulher põe a mão na cintura e responde-lhe:
Queres uma cervejinha, meu amor???
E nesse momento abre a porta do frigorífico e mostra-lhe 25 marcas diferentes de cervejas de 12 países, alemãs, holandesas, japonesas, americanas, mexicanas, etc. O marido sem saber o que fazer, responde-lhe:
Meu docinho de coco... mas no bar... sabes... o copo é gelado.
O marido não tinha terminado de falar, quando a esposa interrompe a sua conversa e lhe diz:
Queres um copo gelado, mor?
Nesse momento a esposa tira do congelador um copo bem gelado, branco, branco, que até tremia de frio.
Então o marido responde:
Mas meu céu, no bar tem aqueles salgadinhos óptimos... Já volto ta?
Queres salgadinhos meu amor??? A mulher abre o forno e tira 15 pratos de salgadinhos diferentes: bolinhos de bacalhau, rissois, pipocas, amendoins, pasteis de carnes, empadinhas...
Mas minha bonequinha... lá no bar... sabes.... as
piadas, os palavrões tudo aquilo.....
Queres palavrões meu amor??? ENTÃO VAI PRÓ CARALHO, MAS DAQUI TU NÃO SAIS, MEU FILHO DA PUTA!!!

2 votos

 

Anedota nº 1567

O Pentágono descobriu que tem um quadro com demasiados generais e criou um programa de reforma voluntária. Como incentivo, decidiram dar 10.000 dólares de bónus por polegada medida numa linha entre quaisquer dois pontos do corpo do oficial. O primeiro general que aceitou pediu que medissem do alto da cabeça ate a ponta dos pés. Recebeu um cheque de 720.000 dólares. O segundo general esticou um braço e pediu para medir a distancia entre as pontas dos dedos do braço ate a ponta dos pés. Recebeu um cheque de 960.000 dólares. O terceiro general, já alertado, disse que queria que o medissem da ponta do pénis dele ate aos testículos. Depois de ter conseguido deixar de se rir, o examinador pediu para o general baixar as calças para que ele pudesse medir.
Meu Deus! exclama o examinador Onde estão os seus testículos?
Responde o general:
No Vietname.

2 votos

 

Anedota nº 1566

Um homem deparase num enterro com uma inusitada procissão.
Primeiro vinha um caixão. Depois um segundo caixão. Em seguida, um homem sozinho levando um pitbull pela coleira. Finalmente, atrás dele, uma longa fila indiana só de homens.
Sem conseguir conter a curiosidade, aproximase delicadamente do homem com o cão e diz:
Os meus sentimentos pela sua perda... mas...eu nunca vi um enterro assim... O senhor poderia dizerme quem é que morreu?
Bem... no primeiro caixão está a minha mulher.
Sinto muitíssimo! O que aconteceu com ela?
O meu cão... ele atacoua...
Que tragédia!...
E o segundo caixão?
A minha sogra... ela tentou salvar a filha...
Um silencio consternado e pungente. Os dois homens olhamse nos olhos.
Emprestame o cão?
Metase na fila...

2 votos

 

Anedota nº 1565

Um motociclista ia a 130 km/h por uma estrada e, de repente, foi contra um passarinho e não conseguiu esquivarse. Pelo retrovisor, o rapaz ainda viu o bicho a dar várias piruetas no asfalto até ficar estendido.
Não podendo conter o remorso ecológico já que o nosso motoqueiro era membro do Greenpeace, militante dos Verdes ele parou a mota e voltou para socorrer o bichinho. O passarinho estava lá, inconsciente, quase morto.
Era tal a angústia do motociclista que ele recolheu a pequena ave, comprou uma gaiolinha levoua para casa, tendo o cuidado de deixar um pouquinho de pão e água para o acidentado.
No dia seguinte, o passarinho recupera a consciência. Ao despertar, vendose preso, cercado por grades, com o pedacinho de pão e a vasilha de água no cantinho, o bicho põe a mão, ou melhor, a asa na cabeça e grita:
Porra, matei o motard!

3 votos

 

Anedota nº 1564

O inverno estava rigoroso:
He pá! tenho tido tanto frio de noite.
Faz como eu! compra uma botija de água quente! Compras ali na farmácia.
Mais tarde na farmácia:
Mestre! Quero uma botija de água quente.
Desculpe mas com este frio vendi todas. Mas se tem um gatinho também serve, ponhao na cama que resulta.
No outro dia aparece o homem todo arranhado:
Dême um mercúrio para estas feridas
?? mas que lhe aconteceu?
Meti o gato na cama como me disse. Abrir a boca ainda consegui mas quando foi para o encher de água quente é que foram elas...

2 votos

 

Anedota nº 1563

Estavam uns garotos a brincar no pátio da igreja por alturas do Natal. Até que um deles sem querer esbarra num dos bonecos do presépio e parteo. Passado um bocado chega o padre:
Quem é que partiu o pastor?
Todos ficam muito calados até que depois de muita insistência o culpado se acusa.
Então tens de pagar o estrago.
Eu não tenho dinheiro senhor padre.
Então paga o teu pai.
Eu não tenho pai.
Paga a tua mãe!
Também não tenho mãe...
Então não tens ninguém. És sozinho no mundo?
Não! Eu tenho uma irmã mais velha.
Pronto paga ela.
Ela também não pode pagar, não tem dinheiro. É freira.
Não se diz freira; dizse esposa de Cristo.
Ah, então o meu cunhado que pague!...

2 votos

 

Anedota nº 1562

Certa noite, um bêbado sai de um bar e cruzase com uma freira.
Assim que a vê, dálhe um valente soco que deixa tão espantada quanto dorida, mas antes que ela pudesse dizer alguma coisa o bêbado dálhe dois socos na barriga e a pobre freira cai agonizante no chão.
Sem hesitar o bêbado dálhe mais dois chutos, levantaa e atiraa contra uma parede.
Já a pobre freira está quase inconsciente no chão quando o bêbado chega a cara ao pé do ouvido dela e com um forte hálito a Jack Daniels lhe sussurra:
Não estás muito forte esta noite, pois não, Batman?

2 votos

 

Anedota nº 1561

A rainha Elizabeth costuma ir todos os anos ao hospital de veteranos.
Escolhe uma enfermaria e conversa com os que estão ali internados. Assim e sempre. Naquele ano, foi escolhida a enfermaria B, um vasto corredor com 100 camas alinhadas, lado a lado. A rainha começou pela cama mais próxima da porta. Perguntou:
Qual é o seu nome?
Joe Smith, respondeu o enfermo.
Qual seu padecimento?
Hemorróidas, responde o enfermo.
Qual seu tratamento?
Pinceladas de mercúrio...
Qual seu maior desejo?
Vida longa para Vossa Majestade.
Ela cumprimenta o doente e parte para a segunda cama onde ocorre o mesmo diálogo: nome, doença de que sofre e tratamento. Por coincidência, com excepção do nome, as respostas coincidem. Todos tem hemorróidas e todos são tratados com pinceladas de mercúrio. Ela já estava farta de hemorróidas, mas seguiu pelas camas restantes, repetindose, até que na centésima cama:
Qual é o seu nome?
Joseph, majestade.
Qual seu padecimento?
Amigdalas inflamadas.
Qual seu tratamento?
Pinceladas de mercúrio...
Qual seu maior desejo?
Um pincel só para mim.

2 votos

 

 

Categorias:

Pesquisar

Colabora com o SuperDivertido enviando-nos anedotas para o email sd@portoxxi.com

 

[Adicionar aos Favoritos]    []    [Webmasters- Coloque no seu site]    [Recomende a um amigo]

[CHAT]    [Livro de Visitas]    [Crianças Desaparecidas]    [Criação de Sites]

Copyright © 1999 PORTOXXI.com - Todos os direitos reservados